O peso argentino é a moeda oficial utilizada na Argentina desde 1992. Em relação aos brasileiros, a compra e venda de moda é muito interessante por conta da valorização do real em relação ao peso. Esta moeda só circula neste país que configura uma das maiores potências econômicas da América Latina.

Assim como qualquer outra moeda do mundo a cotação do peso argentino é livre e é delimitada pelo próprio mercado. Quanto mais houver em circulação mais barato ele fica, quanto menos tiver, mais cara.

Confira aqui os valores do Peso argentino Hoje e entenda as diferenças entre cada utilização deste tipo de dinheiro:

$ 1,00 = 0.1917

Peso argentino comercial

O peso argentino comercial é utilizado para cotar o preço de mercadorias para importação e exportação.

Todos os países que tem relações comerciais com a Argentina precisará obrigatoriamente se sujeitar ao pagamento dos valores estabelecidos pela cotação atual. Quanto mais cara estiver a moeda diminui a importação, já se estiver mais barata a importação aumenta e a exportação minimiza.

Como este tipo de transação financeira costuma ser feita por vias eletrônicas, o que barateia os custos da operação.

Peso argentino turismo

O peso argentino turismo é utilizado para precificar produtos e serviços comprados diretamente por pessoas físicas. Compra em lojas (mesmo online),  passagens aéreas e tudo o que você for gastar dentro do país como estrangeiro terá este valor.

Assim como qualquer outra moeda o peso argentino turismo costuma ser mais caro comercial, afinal, para comprar e vender este tipo da moeda é preciso ter o dinheiro em mãos, o que faz com que as casas de câmbio gastem mais para possibilitar a troca.

Dicas para o câmbio

Para brasileiros, compensa muito comprar o peso argentino porque ela é desvalorizada em relação ao real. No caso de viagens e uso no comércio vale a pena realizar a conversão. No entanto, antes de realizar a cotação é importante verificar as oscilações para deixar para fazer a conversão num momento de valorização do real em relação ao peso argentino.

Não é somente a situação econômica que cria oportunidades de viagens para o brasileiro na Argentina. Algumas decisões estatais e do governo do país facilitaram a economia para quem quer visitar a vizinhança. Lá existe isenção de impostos sobre consumo nas tarifas de hotéis e produtos para estrangeiros, o que quer dizer que pode-se economizar até 21%.

cotação peso argentino

No Brasil é livre o comércio de moedas, por isso, as casas de câmbio ficam livres para cobrar o quanto querem para realizar a conversão. Neste caso, antes de fazer a sua troca é importante verificar o momento certo para realizar e consultar mais de uma instituição, pois os preços poderão ser diferentes.

Outra dica importante é sempre avaliar quando é melhor fazer transações financeiras e compras em comércio usando dólares do que peso argentino. Afinal, se em relação ao real já é desvalorizado a comparação com o dólar americano é ainda maior. Em 2016 por exemplo, um dólar chegou a equivaler 16 pesos.